• Mundo Zumm
  • Matérias
Início Matérias Gourmet A origem dos coquetéis Negroni e Bloody Mary, do Milwaukee American Bar

A origem dos coquetéis Negroni e Bloody Mary, do Milwaukee American Bar

Descubra a história desses dois drinks clássicos que estão entre os mais vendidos do bar da Harley-Davidson em Ribeirão Preto

Um dos bares mais badalados de Ribeirão Preto, o Milwaukee American Bar, é conhecido pelo seu expertise em relação a drinks e pratos clássicos.

Pensando nisso, o Mundo Zumm decidiu descobrir a origem dos coquetéis Negroni e Bloody Mary, que estão entre os mais vendidos no local.

A pessoa por trás do nome

No ano de 1919, a bebida mais popular em Florença, na Itália, era conhecida como “Americano”. Ele levava em sua composição Bitter e Vermute Rosé Doce.

Camilo Negroni, um famoso conde local, pediu, contudo, que o barman do Caffè Giacosa, onde consumia o drink, adicionasse Gin seco ao seu coquetel favorito. A partir daí, surgiu um novo sabor, o qual caiu no gosto popular e passou a carregar o sobrenome de seu inventor como forma de homenagem.

Bloody Mary

Esse coquetel foi criado na década de 1920 pelo francês Fernand Petiot, em Paris, na Franca. A mistura era feita com vodka, suco de tomate, molho inglês e pimenta a gosto.

O nome “Bloody Mary”, por sua vez, teria sido uma homenagem a Rainha Maria I, do século XVI, que tentou implantar o Catolicismo Romano como religião oficial e, para isso, condenou à morte mais de 280 pessoas. Por esse fato, ficou conhecida como “Maria Sangrenta” (tradução literal do nome do drink).

Na mesma época de Petiot, os norte-americanos viviam o período da Lei Seca, que proibia a circulação de álcool no território estadunidense. Isso os levou a procurar uma forma de burlar as regras.

Dessa forma, a bebida alcoólica de tomate foi a saída ideal para confundir as autoridades – tão ideal que rapidamente ela caiu no gosto popular!

Coquetel Bloody Mary| Crédito: Divulgaçãop

Tanto o Negroni quanto o Bloody Mary são ótimos para dar um refresco no calor ribeirão-pretano, estando sempre disponíveis no cardápio do Milwaukee American Bar (Avenida Dr. Francisco Junqueira, 2.843).

Leia também: Conheça as tradicionais pizzas americanas do Milwaukee

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!