MARP reúne obras de jovens artistas em cinco exposições

33

Com curadoria de Nilton Campos as mostras permanecem no local até o dia 24 de maio

O MARP – Museu de Arte de Ribeirão Preto realiza durante o mês de maio cinco exposições simultâneas de artistas residentes em Ribeirão Preto, São Paulo e Rio de Janeiro. Com temas distintos as mostras reúnem materiais como pinturas, fotografias, áudios, tecidos e muito mais. Confira:

Lavanda é a cor mais Livre
Na exposição “Lavanda é a cor mais Livre”, a artista carioca Angela Od propõe um mergulho afetivo e permeável a trocas em sua produção multidisciplinar. Uma união em favor da expressão artística e cultural. A artista convidou pessoas aleatórias que colaboraram com a peça “A Mortalha da Lavanda”, as produções individuais e coletivas foram agregadas à mortalha em tecido, que está disposta no chão do espaço expositivo do MARP.

A Sala do Tesouro
Outra exposição que vale a visita é a “A Sala do Tesouro” do artista Daré, residente em Ribeirão Preto, ele traz para o MARP, uma instalação construída com 6 pinturas inéditas, um objeto decorativo comercial e referências aparentemente pouco conciliáveis quanto Arqueologia do Egito Antigo, o Gosto Kitsch Contemporâneo, Iconografia Renascentista e Mensagens de Autoajuda. Daré acredita ter conseguido materializar “A Sala do Tesouro” nas dependências do MARP e convida os visitantes a experimentarem momentos de introspecção e espiritualidade “Em Torno do Ser”.

Preciso saber de você
A artista Mariana Whately propõe para a sala do piso térreo do MARP o projeto “Preciso saber de você”, que consiste em levar para a Praça Carlos Gomes referências da Biblioteca Leopoldo Lima do MARP e a partir destas, coletar histórias dos transeuntes, que serão reproduzidas em áudio na sala expositiva do Museu. Durante o período da mostra, a artista também ativará a Biblioteca, que se encontra temporariamente fechada. E com o apoio de voluntários, farão, dentre outras coisas, a revisão da catalogação dos livros, disponibilizando-os aos visitantes.

Durante o mês de maio o local ainda abriga as exposições “A morte de uma festa” da artista Ana Júlia Vilela e “Ascensão e queda do homem de bem” de Renan Marcondes. Todas as mostras permanecem em exposição até o dia 24 de maio, a visitação é gratuita.

Serviço:
Exposições MARP
Data: até 24 de junho
Local: MARP (Rua Barão do Amazonas, 323 – Centro)
Horário de visitação: de terça a sexta-feira, das 9h às 18h e aos sábados das 12h às 17h.
Informações: (16) 3635.2421

Leia também: Veja os destaques da agenda de shows de maio em RP

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui