Meditação contra a ansiedade: um caminho do bem!

126

Sabe-se que a ansiedade é uma consequência de um desequilíbrio do sistema nervoso e que há momentos difíceis de controlar! Muitas vezes queremos planejar demais ou determinar um futuro que é incontrolável, e a ansiedade ataca novamente.

Dependendo do nível de ansiedade o pulso acelera na mesma proporção que a adrenalina eleva a frequência cardíaca e as vezes é possível ficar até sem ar. Tentar controlá-la através da meditação e da respiração, é uma boa alternativa.

Mas, o que é meditação?

A meditação é a saída para colocar em prática técnicas de concentração, respiração e muito relaxamento. Não é uma técnica para deixar de pensar na vida ou não pensar em nada, mas é um preparo para limpar a mente e o corpo, estimulando o esquecimento de qualquer informação negativa.

É legal sempre ter uma referência positiva quando começar a se concentrar. Os pensamentos positivos desaceleram e acalmam todas as coisas, além de promoverem o autoconhecimento e o armazenamento de energia.

Como fazer?
Encontre um ambiente calmo, dentro da sua casa ou em qualquer outro lugar que se sinta bem, desde que seja silencioso. Mantenha a coluna ereta, mas lembre-se que o importante é estar confortável.

Esse momento é especial e você quem faz! Algumas escolas de meditação sugerem fechar os olhos ou fixar em um ponto que não possua imagens. Concentre-se na respiração e respire fundo, acompanhando os movimentos de inspiração e expiração.

Use roupas confortáveis, solte os ombros, posicione as mãos juntas formando uma concha e caso se sentir bem, sente-se em posição de meditação –  coloque as pernas cruzadas e os pés sobre as coxas.

Respire naturalmente, sem ruídos. Se facilitar a prática, utilize uma contagem de 1 a 10 para se concentrar um pouco mais ou coloque alguma música nos fones de ouvido. Músicas calmas, frequências sonoras ou flautas, são renovadoras e acalmam a mente.

Fazer com mais frequência durante a semana, estimula o corpo a se acostumar com o tipo de concentração. Insista neste exercício. No início pode parecer chato ou causar alguma irritação, mas depois de um período de prática, torna-se tão agradável que você não consegue ficar sem.

Vença, se possível, o desejo de se levantar e as inquietações! Boa meditação!

Leia também: Conheça 3 tendências fitness para 2019

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui