• Mundo Zumm
  • Colunas
Início Colunas Digital de A a Zumm Que tal usar inteligência artificial para salvar seu filho?

Que tal usar inteligência artificial para salvar seu filho?

Pesquisa aponta que pais da geração Alpha aceitam o uso de inteligência artificial no bem-estar das crianças

A tecnologia sempre nos surpreende e já está tão enraizada em nosso cotidiano que o nível de confiança em seus resultados é cada vez mais alto, principalmente entre os jovens. Foi o que comprovou o recente estudo “Geração AI 2019”, feito com pais da chamada geração Alpha, com idades entre 23 e 38 anos, com pelo menos um filho com 9 anos ou menos.

Nele, foram entrevistados 2 mil pais nos Estados Unidos, Reino Unido, Índia e Brasil, com o objetivo de compreender melhor a relação dessa geração hiperconectada e o nível de confiança deles com a IA (Inteligência Artificial) nos cuidados da saúde e bem-estar de seus filhos.

Confiança crescente

Nota-se que a geração de crianças até 9 anos é a que mais cresce com os efeitos da tecnologia. E os resultados da pesquisa demonstram que os pais têm uma grande confiança em torno dos benefícios da inteligência artificial na vida dos filhos.

Um exemplo disso é que 70% dos entrevistados concordariam em implantar um coração impresso em 3D em seus filhos, se necessário. Em relação a uma doença rara, 78% deles confiariam num diagnóstico feito por IA.

Sobre cirurgias feitas por robôs, 69% permitiriam que eles fizessem cirurgias em seus filhos. No ano anterior, o número de pessoas que confiavam nesse procedimento não passava de 60%.

Se pensarmos na escassez de recursos na área de saúde, aliar o uso de recursos como inteligência artificial, chatbots, entre outros para aproximar profissionais da saúde e levar atendimento a lugares remotos, será muito válido.

No Brasil o assunto ainda é polêmico e não deve ficar restrito ao pensamento negativo sobre o possível afastamento dos médios de seus pacientes. Devemos pensar no benefício de proporcionar um maior encontro, principalmente com quem tem poucos acessos e recursos. Fica a reflexão!

Eduardo Soares
Professor e Especialista em Mídias Digitais e
Vice-presidente da APP Ribeirão
@edusoaresprof

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!