Ribeirão Preto tem aumento de 30% na abertura de empresas em 2019

26

Cidade tem, em média, 1,5 mil negócios abertos por mês; a especialista Gabriela de Oliveira comenta tendência de crescimento e orienta MEIs

Segundo dados do Empresômetro, 7.515 novos negócios foram abertos entre janeiro e maio de 2019, em Ribeirão Preto. Uma média de 1.503 empresas criadas por mês. O número aponta um aumento de 30,12% em relação ao mesmo período de 2018, quando registrou 1.155 aberturas a cada 30 dias.

A estatística de empreendedores na cidade reflete um cenário visto no Brasil de maneira geral. Dados do IBGE apontam que nos últimos cinco anos, desde o período pré-recessão, o número de MEIs no país já cresceu mais de 120%.

“Abrir o próprio negócio, oferecer serviços de maneira independente e arriscar-se em uma nova área estão entre as principais alternativas dos brasileiros que tentam ingressar no mercado de trabalho de maneira mais rentável”, pontua Gabriela de Oliveira, docente da área de gestão e negócio do Senac Ribeirão Preto.           

Mas para que a empresa seja, de fato, fonte de renda e não de prejuízo, a especialista orienta que é preciso mais do que fazer um investimento financeiro, é necessário apostar em conhecimento. “Muitas pessoas se enganam ao achar que conseguir abrir um negócio é apenas o que importa. É preciso ser empreendedor, e nem sempre os empresários são. Para dar certo, é fundamental investir em capacitação, para compreender esse braço do universo corporativo”.

Jovens empreendedores

Segundo Gabriela, ser empreendedor é desenvolver habilidades para sempre inovar, criar projetos, pensar em possibilidades para a empresa crescer em seu segmento e ter um olhar aprimorado de mercado. A docente ainda lembra que o desejo de ser dono do próprio negócio também está presente nas novas gerações, que, por vezes, não encontram nas relações de trabalho os desafios e a rapidez que desenham para seu desenvolvimento profissional.

“Os jovens já ocupam um espaço significativo entre os microempreendedores. Cada vez mais cedo eles conseguem enxergar aonde querem chegar e, consequentemente, mais cedo direcionam os esforços para conquistar isso, investindo em capacitação e em ferramentas que darão suporte para alcançar o sucesso profissional frente ao próprio negócio”, ressalta a especialista.

Leia também: Inova Ribeirão discutirá tendências tecnológicas para comércio e indústria

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui