• Mundo Zumm
  • Colunas
  • Zummcast
Início Colunas Investimento Uma trajetória voltada para o mercado financeiro

Uma trajetória voltada para o mercado financeiro

Desde pequeno, acompanhei a carreira vitoriosa do meu pai nesse ramo. Assim, não houve surpresa quando escolhi, inicialmente, a mesma profissão. Mas o caminho não foi exatamente como imaginei…

Antes de chegar ao banco, passei por alguns estágios, como na Gnatus e até no Mc Donald’s (durante um intercâmbio nos EUA). Quando, de fato, concluí o curso de Administração e me mudei para São Paulo, participei do processo seletivo de um banco e comecei como consultor de crédito imobiliário. Aprendi, então, que comercial bate meta e, se quiser crescer, tem que aliar performance a certificações.

Essa “receita” deu certo! Já havia conquistado a certificação Anbima CPA-10 quando o banco inaugurou o que futuramente seria uma agência digital e dei o primeiro grande salto de carreira, sendo promovido à gerente de contas. Continuei no mesmo ritmo, tirei a segunda certificação (Anbima CPA-20) e consegui um novo cargo − gerente de contas do segmento alta renda. Mas já estava no momento de voltar para casa e pedi transferência para Ribeirão Preto.

Contudo, esbarrei no primeiro obstáculo da carreira. Minha agência foi fechada e seus clientes incorporados à outra, levando alguns meses até eu ser recolocado por outro banco, também no segmento pessoa física. Nessa época, lembro que uma manchete de revista causou irritação em muitos dos meus colegas: “Seu banco não presta e ele agradece”, a qual, em mim, despertou curiosidade e me fez comprar a edição para entender as razões para aquela afirmação, que estava embasada nas mudanças do mercado financeiro.

Com as informações da reportagem, me mostrando que a XP estava incomodando − e muito! − os grandes bancos, comecei a pesquisar sobre a corretora de valores e seus escritórios credenciados, chegando à RP Capital, referência em Ribeirão Preto com mais de 12 anos de mercado, 3 mil clientes e cerca de R$1,2 bilhão sob custódia. Também nesse período, pude assistir a uma palestra de Guilherme Benchimol, CEO e fundador do Grupo XP, cujas palavras ficaram gravadas em minha memória: “Não conheço nenhum bancário feliz”, afirmou, ressaltando que seu alvo para aumentar o número de agentes autônomos era justamente os bancários.

Pouco tempo depois, a RP Capital anunciou 10 novas vagas de assessores para seu time já campeão. Foi assim que, desde novembro de 2018, estou em um dos melhores escritórios credenciados da XP no Brasil, tenho orgulho de dizer que trabalho como assessor de investimentos e faço parte da transformação do mercado.

Guilherme Simão Siqueira
Assessor de investimentos da RP Capital
guilherme.simao@rpcapital.com.br
Facebook: RP Capital
Instagram: @rpcapitalinvest
www.rpcapital.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!